Mike Tyson e Evander Holyfield lançam gummy de cannabis em formato de orelha mordida

Mike Tyson e Evander Holyfield lançam gummy de cannabis em formato de orelha mordida

Sobre as colunas

As colunas publicadas na Cannalize não traduzem necessariamente a opinião do portal. A publicação tem o propósito de estimular o debate sobre cannabis no Brasil e no mundo e de refletir sobre diversos pontos de vista sobre o tema.​

Mike Tyson convidou seu adversário histórico Evander Holyfield para lançar novo sabor de sua bem-sucedida gummy canábica em formato de orelha mordida 

Foto: Reprodução / Instagram

Em março deste ano, um inusitado comestível de cannabis fez sucesso nos dispensários dos Estados Unidos: as “Mike Bites”, comestíveis canábicos em formato de orelha mordida. Promovidas pelo boxeador Mike Tyson, as gummies acabaram em menos de um dia, segundo o portal F5.

Esperando mais um sucesso de vendas, o pugilista agora se une ao seu lendário oponente Evander Holyfield para promover o lançamento de um novo sabor e nome para o produto, ainda no formato que ficou famoso pela histórica luta entre os boxeadores: as “Holy Ears” sabor torta de cereja.

O produto chega nas lojas em 25 de novembro, visando a Black Friday e o Natal.

O produto é anunciado como “um equilíbrio extraordinário de cannabis premium” com menos de 0,3% de Delta-9 THC (tetrahidrocanabinol), de uso exclusivo para adultos.

Em entrevista ao Huffington Post, Evander Holyfield contou que nunca tinha consumido cannabis antes, mas ficou honrado quando Tyson lhe ofereceu a oportunidade de se envolver nesta empreitada.

“É um privilégio reencontrar meu ex-adversário e agora amigo de longa data e transformar anos de lutas e nocautes em uma parceria que pode causar um impacto positivo e curar as pessoas”, disse Holyfield.

Leia também: Pista de patins londrina lança ‘tênis conversível’ para celebrar aniversário do lendário álbum The Chronic, do Dr. Dre

Orelha mordida entrou pra história do boxe mundial

O formato da gummy pode ser curioso para os mais jovens, porque faz referência ao episódio icônico que marcou a rivalidade entre os lutadores há 25 anos.

Em 1997, durante uma calorosa partida de revanche, Mike Tyson irritou-se com uma suposta cabeçada de Holyfield e mordeu sua orelha direita, arrancando um pedaço(!) e deixando o lutador pulando de raiva e de dor. 

Holyfield teve atendimento médico, enquanto Tyson perdeu dois pontos pela indisciplina. O juiz só encerrou o confronto no final do quinto round, depois que Mike tentou morder a outra orelha do oponente. Desta forma, Holyfield foi considerado campeão.

Um novo homem para um novo tempo

A abertura da Tyson 2.0, sua empresa de produtos canábicos, em 2016, simboliza uma reviravolta na vida de Mike Tyson.

Tyson sempre teve a vida tumultuada por confusão e violência. O pugilista já foi preso por estupro e por porte de cocaína, mas sua carreira foi abaixo a ponto de declarar falência em 2003.

A volta por cima se deu com o início dos negócios canábicos na Califórnia que, segundo o jornal The Sun, rendem mais de US$ 600 mil por mês.

“A maconha me mudou para o bem, tanto mental quanto fisicamente, e quero compartilhar esse presente com outras pessoas que também buscam alívio”, disse Mike em entrevista ao Daily News Uk.

Seu sócio na Tyson 2.0, Rob Hickman, afirmou em entrevista à GQ que a cannabis fez muita diferença na vida de Tyson, deixando de ser uma pessoa agressiva para se tornar muito calmo. “Mudou a vida dele. Ele é a pessoa perfeita agora”, diz Hickman.

Consulte um médico 

É importante ressaltar que qualquer produto feito com a cannabis precisa ser prescrito por um médico, que poderá te orientar de forma específica e indicar qual o melhor tratamento para a sua condição.

Caso precise de ajuda, disponibilizamos um atendimento especializado que poderá esclarecer todas as suas dúvidas, além de auxiliar na marcação de uma consulta com um médico prescritor, passando pelo processo de importação do produto até o acompanhamento do tratamento. Clique aqui.

Tags:

Artigos relacionados

Relacionadas