Família de Arlindo Cruz comemora avanços em seu tratamento com cannabis

Família de Arlindo Cruz comemora avanços em seu tratamento com cannabis

Sobre as colunas

As colunas publicadas na Cannalize não traduzem necessariamente a opinião do portal. A publicação tem o propósito de estimular o debate sobre cannabis no Brasil e no mundo e de refletir sobre diversos pontos de vista sobre o tema.​

Vítima de um acidente vascular cerebral em 2017, o sambista recupera-se em casa com apoio da família e de médicos especializados

Arlindo Cruz se apresentando na virada cultural de São Paulo em 2008. Foto: Creative Commons / Silvio Tanaka

Na última terça-feira (18), Babi Cruz, esposa do sambista Arlindo Cruz, atualizou as informações sobre o estado de saúde do cantor.

Em uma postagem na conta oficial do músico no Instagram, Babi mostra um vídeo do sambista sentado no quintal e ouvindo música durante um banho de sol.

Na legenda, a esposa de Arlindo afirma que o cantor tem usado remédios à base de cannabis para se recuperar do AVC (Acidente Vascular Cerebral) que sofreu em 2017.

Leia também: Acidente Vascular Cerebral (AVC): O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

“Tratamento à base de óleo de cannabis que já vem mostrando resultados significativos em aspectos físicos e cognitivos. Esse é só o início, poeta. Estamos muito esperançosos”, escreveu Babi.

Cannabis para o tratamento de AVC

No vídeo, Babi Cruz não entra em detalhes sobre há quanto tempo Arlindo está se tratando com CBD (canabidiol), nem qual é o tipo específico de óleo ou a quantidade de medicamento.

No entanto, há na literatura médica estudos indicando o uso de canabidiol para o tratamento do AVC, principalmente agindo nas sequelas causadas pela doença. 

Para o cirurgião geral e diretor médico da Cannect, Rafael Pessoa, são necessários mais estudos em humanos para se ter maior nível de evidência, mas já há estudos concluindo que o canabidiol foi capaz de melhorar desempenho motor, aumentar a sobrevida, reduzir danos cerebrais e melhorar a recuperação funcional em longo prazo. 

“Entende-se que esses efeitos ocorrem pela ação em receptores associados à produção de serotonina, ação em outras proteínas e receptores de adenosina”, explica o médico.

Arlindo Cruz tem hoje dificuldades em se movimentar, em falar e enxergar. Estas sequelas sentidas pelo sambista são comuns em casos de AVC hemorrágico, que ocorre quando um vaso sanguíneo do cérebro se rompe espontaneamente, espalhando sangue pelo órgão.

Consulte um médico 

É importante ressaltar que qualquer produto feito com a cannabis precisa ser prescrito por um médico, que poderá te orientar de forma específica e inclusive, indicar qual o melhor tratamento para a sua condição.

Caso precise de ajuda, disponibilizamos um atendimento especializado que poderá esclarecer todas as suas dúvidas, além de auxiliar desde a achar um médico prescritor até o processo de importação do produto. Clique aqui.

Tags:

Artigos relacionados

Relacionadas