Estado dos EUA adiciona educação sobre cannabis no currículo das auto escolas

Estado dos EUA adiciona educação sobre cannabis no currículo das auto escolas

Sobre as colunas

As colunas publicadas na Cannalize não traduzem necessariamente a opinião do portal. A publicação tem o propósito de estimular o debate sobre cannabis no Brasil e no mundo e de refletir sobre diversos pontos de vista sobre o tema.​

O currículo incorpora a cannabis, como a maconha afeta o cérebro, os efeitos físicos, o tempo de reação visual e física e os perigos da direção prejudicada

Foto: Freepik

Texto traduzido do portal Mass.gov

O Registro de Veículos Automotores de Massachusetts (RMV), em parceria com membros da Comissão de Controle de Cannabis de Massachusetts anunciou hoje que Massachusetts, nos EUA, será o primeiro estado de uso recreativo de cannabis no país a adotar um currículo que educa os adolescentes sobre os riscos de dirigir sob efeito de maconha.

O currículo é ensinado por meio de um vídeo educacional informativo e didático de 25 minutos e será incorporado já em janeiro de 2023.

O atual módulo de educação para motoristas que aborda a direção prejudicada será atualizado para incluir informações baseadas em pesquisas sobre a cannabis, explicando como o THC (tetrahidrocanabinol), o produto químico ativo da maconha, afeta a cognição, a visão, o tempo de reação e a percepção de tempo e distância.

Ensinado para 50 mil pessoas por ano

Esta é a primeira geração de estudantes de educação para motoristas a ser licenciada desde que a cannabis se tornou legal em Massachusetts. Uma pesquisa da AAA Northeast (Organização Automobilística Americana) mostra que os acidentes de direção prejudicados pela cannabis podem aumentar e continuar a ferir e matar motoristas e seus passageiros.

Chamado de Shifting Gears, o currículo de direção prejudicada por cannabis será ensinado a aproximadamente cinquenta mil jovens motoristas por ano em mais de 460 locais de autoescola em Massachusetts.

“Adicionar informações sobre cannabis às aulas de educação para motoristas é importante para a segurança e o bem-estar dos adolescentes que estão aprendendo a dirigir”,  disse o governador Charlie Baker.

Segundo ele, a nova instrução sobre cannabis ajudará os indivíduos a tomar decisões informadas. Baker está satisfeito por Massachusetts estar liderando a inclusão disso na educação de motoristas.

O que é ensinado?

De acordo com o vice-governador Karyn Polito, o novo currículo de cannabis é um importante acréscimo à educação de motoristas e ajudará a informar e educar novos motoristas sobre os perigos inerentes de ser prejudicado por cannabis enquanto dirige.

“O currículo foi desenvolvido de forma colaborativa e revisado por partes interessadas públicas e privadas, acadêmicos, estudantes e seus pares para garantir que informações críticas baseadas em pesquisas e mensagens de segurança sobre cannabis fossem incorporadas como um componente-chave de toda a educação do motorista para ajudar a reduzir acidentes e ajudar a manter todos os usuários da estrada seguros.” Complementou.

O vídeo fornece informações detalhadas sobre os efeitos do uso de cannabis na direção, incluindo impactos na capacidade cognitiva de um indivíduo de operar um veículo a motor com segurança, atrasos no tempo de resposta, problemas de atenção e coordenação e a capacidade de dirigir em linha reta e enfatiza o importância de tomar decisões inteligentes ao decidir dirigir um veículo ou ser passageiro de um veículo no qual o motorista pode estar sob efeito de maconha.

“Os jovens motoristas de hoje em Massachusetts são a primeira geração a se sentar ao volante desde que a maconha se tornou legal no estado. Considerando isso, é extremamente importante que eles também entendam como o THC pode afetar o corpo, incluindo os riscos associados à condução sob efeito de maconha”, disse a comissária da Comissão de Controle de Cannabis , Kimberly Roy.

Melhora na segurança pública

“A aplicação da lei em Massachusetts apoia totalmente a educação e a conscientização como medida preventiva para melhorar a segurança pública, especialmente entre nossos motoristas mais vulneráveis, disse o chefe de polícia de Newton, John Carmichael. “Este currículo abrangente de educação para motoristas ensinará aos alunos os riscos associados à direção prejudicada, com ênfase adicional em como a maconha pode causar uma capacidade diminuída de operar seu veículo com segurança.”

O módulo de educação do motorista anteriormente mencionava álcool e drogas em geral, mas daqui para frente, o currículo incluirá uma seção, de cannabis e direção. Além disso, a Lei do Consentimento será definida e as sanções mencionadas.

A educação dos motoristas de Massachusetts é gerenciada pelo RMV e exige que todos os motoristas iniciantes com menos de 18 anos concluam 30 horas de instrução em sala de aula e 12 horas de instrução real ao volante e 6 horas de observação enquanto outro aluno está estudando atrás do volante antes que eles possam receber uma licença completa.

Conte com a gente 

Caso precise de ajuda, disponibilizamos um atendimento especializado que poderá esclarecer todas as suas dúvidas, além de auxiliar desde achar um médico prescritor até o processo de importação do produto. Clique aqui.

Tags:

Artigos relacionados

Relacionadas