Tratando um AVC com cannabis, Arlindo Cruz participa de desfile de carnaval

Tratando um AVC com cannabis, Arlindo Cruz participa de desfile de carnaval

Sobre as colunas

As colunas publicadas na Cannalize não traduzem necessariamente a opinião do portal. A publicação tem o propósito de estimular o debate sobre cannabis no Brasil e no mundo e de refletir sobre diversos pontos de vista sobre o tema.​

Mesmo debilitado, o sambista foi a atração principal de uma das escolas que desfilaram no Rio de Janeiro

Tratando um AVC com cannabis Arlindo Cruz participa de desfile de carnaval
Foto: Daniel Pinheiro/AgNews/Reprodução

No último domingo (19), Arlindo Cruz foi homenageado pela escola de samba Império Serrano e desfilou na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro. Sentado em um trono e vestido de branço, o músico foi a atração principal do carro em que estava.

Contudo, a sua participação foi bastante limitada. Depois do seu AVC (Acidente Vascular Cerebral) em 2017, Arlindo Cruz teve várias sequelas e agora precisa de atenção. Tanto que o sambista foi acompanhado por médicos durante todo o desfile.

Para minimizar as sequelas da doença, o cantor iniciou um tratamento com a cannabis, que parece estar fazendo efeito. Tanto que a mulher do músico, Babi Cruz, comentou nas suas redes sociais o progresso do tratamento.

“O tratamento já vem mostrando resultados significativos em aspectos físicos e cognitivos. Esse é só o início, poeta. Estamos muito esperançosos”, afirmou.

Leia mais: Família de Arlindo Cruz comemora avanços em seu tratamento com cannabis

Consulte um médico 

É importante ressaltar que qualquer produto feito com a cannabis precisa ser prescrito por um médico, que poderá te orientar de forma específica e indicar qual o melhor tratamento para a sua condição.

Caso precise de ajuda, disponibilizamos um atendimento especializado que poderá esclarecer todas as suas dúvidas, além de auxiliar na marcação de uma consulta com um médico prescritor, passando pelo processo de importação do produto até o acompanhamento do tratamento. Clique aqui.

 

Tags:

Artigos relacionados

Relacionadas